Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

A melhor geleia de Pêssego para fazer em casa

A melhor geleia de Pêssego para fazer em casa

Descubra como fazer a melhor geleia de pêssego para fazer em casa com a nossa receita fácil e dicas para personalizar! Ideal para um doce caseiro saudável.

Fazer geleias em casa é uma arte que combina sabor, tradição e o prazer de criar algo único com as próprias mãos. Entre as inúmeras opções de frutas, o pêssego destaca-se não só pelo seu sabor doce e suculento mas também pela sua versatilidade em compotas. Neste artigo, vamos partilhar a receita da melhor geleia de pêssego que você pode fazer em casa, garantindo momentos deliciosos ao lado de quem ama.

Porquê o Pêssego?

A melhor geleia de Pêssego para fazer em casa

Os pêssegos são frutos ricos em vitaminas A e C, antioxidantes e fibras, tornando-os uma escolha saudável para geleias caseiras. Além disso, a sazonalidade dos pêssegos incentiva o uso de ingredientes frescos e de alta qualidade, assegurando uma geleia com sabor inigualável.

Seleção e Preparação dos Pêssegos

Escolha pêssegos maduros, mas firmes. Lave-os bem, retire a pele e o caroço, e corte em pedaços pequenos. A qualidade da fruta é essencial para uma geleia perfeita.

Personalize a sua Geleia

Adicione especiarias como canela ou cravo durante o cozimento para uma geleia com um toque especial. Ajuste a quantidade de açúcar conforme sua preferência por doces mais ou menos intensos.

Conservação e Armazenamento

A melhor geleia de Pêssego para fazer em casa

Guarde os frascos em local fresco e escuro. Após abertos, conserve na geladeira e consuma em até 3 semanas.

Servir a sua Geleia

A geleia de pêssego é perfeita com torradas, iogurtes ou como recheio de bolos e tartes, oferecendo uma combinação deliciosa para o seu café da manhã ou lanche.

Benefícios Nutricionais

Esta geleia é uma fonte de energia, rica em vitaminas e minerais, com a vantagem de ser feita em casa, sem conservantes artificiais.

Perguntas Frequentes

Qual o tempo de validade da geleia de pêssego caseira?

Acima de tudo, se bem conservada, pode durar até 1 ano fechada. Após aberta, consumir em até 3 semanas.

Posso usar pêssegos congelados?

Sim, mas os frescos garantem um sabor mais intenso e uma textura melhor.

Como posso saber se a geleia atingiu o ponto certo?

Utilize o teste do prato frio: coloque um pouco de geleia num prato frio e incline-o; se escorrer lentamente, está pronta.

É necessário usar pectina?

Não é necessário, pois os pêssegos já possuem pectina natural, mas pode ser adicionada para acelerar o processo.

Posso fazer geleia sem açúcar?

Sim, existem substitutos naturais do açúcar e pectinas específicas para geleias sem adição de açúcar.

Conclusão

Em conclusão, fazer geleia de pêssego em casa é uma forma deliciosa e gratificante de preservar o sabor do verão durante todo o ano. Assim, com esta receita simples e dicas personalizáveis, você pode criar uma geleia perfeita que agradará a todos. Por isso, experimente, ajuste a receita ao seu gosto e desfrute da melhor geleia de pêssego feita por você.

Experimentou a nossa receita de geleia de pêssego? Inscreva-se na nossa newsletter para mais dicas deliciosas e junte-se ao nosso canal VIP no Telegram!

Fontes e referencias:

AGDÁ

Geleia de Pêssego Caseira

Recipe by Alma dos SaboresCourse: Doces, SobremesaCuisine: PortuguesaDifficulty: Fácil
Porções

6

servings
Tempo de Preparação

45

minutes
Tempo de Cozimento

1

hour 
Calorias

50

kcal
Tempo Total

1

hour 

45

minutes

Esta receita de geleia de pêssego é simples, mas recompensadora, resultando em uma geleia deliciosa e cheia de sabor que você pode desfrutar em diversas ocasiões. Experimente e ajuste as quantidades conforme sua preferência para criar a sua versão perfeita da melhor geleia de pêssego caseira.

Ingredientes

  • 1 kg de pêssegos maduros (preferencialmente orgânicos);

  • 700 g de açúcar cristal (ajuste conforme a preferência por doçura);

  • Sumo de 1 limão (para ajudar na conservação e adicionar um leve toque ácido).

Passo a Passo

  • Preparo dos Pêssegos: Lave bem os pêssegos sob água corrente. Faça um corte em X na base de cada pêssego. Mergulhe os pêssegos em água fervente por cerca de 20 segundos e, em seguida, em água fria para facilitar a remoção da pele. Remova a pele, corte os pêssegos ao meio, retire os caroços e corte em pedaços menores.
  • Cozimento: Numa panela grande, coloque os pêssegos picados, o açúcar e o suco de limão. Misture bem e deixe descansar por cerca de 30 minutos para que os pêssegos soltem líquido. Leve a panela ao fogo médio, mexendo constantemente até o açúcar dissolver completamente. Reduza o fogo e deixe cozinhar lentamente, retirando a espuma que se forma com uma escumadeira. Esse processo pode levar cerca de 1 hora, dependendo da consistência desejada.
  • Teste do Ponto: Para verificar se a geleia está no ponto, coloque uma colherada em um prato frio e incline o prato. Se a geleia escorrer lentamente e formar uma película ao esfriar, está pronta. Outra forma é passar o dedo sobre a geleia no prato; se formar um caminho que não se fecha imediatamente, a geleia está no ponto.
  • Envase: Enquanto a geleia ainda está quente, use uma concha para transferi-la para os frascos esterilizados, deixando cerca de 1 cm de espaço livre na parte superior. Feche os frascos imediatamente para criar um vácuo que conservará a geleia.
  • Conservação: Guarde os frascos em local fresco e escuro. Após abertos, conserve na geladeira e consuma em até 3 semanas.

Video da Receita

Dicas adicionais

  • Escolha os Pêssegos Certos: A qualidade da geleia começa com a escolha dos pêssegos. Prefira frutas maduras, mas firmes e sem machucados. Pêssegos maduros têm mais açúcar e pctina natural, o que ajuda na consistência da geleia. Se possível, escolha pêssegos orgânicos para evitar resíduos de pesticidas e conseguir um sabor mais autêntico.
  • Preparação e Esterilização dos Frascos: Antes de começar a fazer a geleia, prepare os frascos e as tampas lavando-os em água quente com sabão e esterilizando-os em água fervente por cerca de 10 minutos. Isso evitará a contaminação da geleia e prolongará sua durabilidade. Deixe os frascos e tampas secarem naturalmente em um pano limpo ou em uma grade de secagem antes de usá-los.
  • Ajuste o Ponto da Geleia: O ponto da geleia é crucial para a textura desejada. Além do teste do prato frio mencionado anteriormente, fique atento à consistência durante o cozimento. A geleia continua a engrossar após o resfriamento, então, se parece um pouco mais líquida do que você deseja enquanto ainda está quente, provavelmente está no ponto certo.
  • Adicione um Toque Pessoal: Não tenha medo de experimentar adicionando especiarias ou outros ingredientes para personalizar sua geleia. Um toque de canela, noz-moscada, ou até mesmo uma pequena quantidade de licor pode transformar sua geleia de pêssego em uma criação única. Comece com quantidades pequenas e ajuste de acordo com seu gosto.

Por fim, se gostou aproveite e veja também:

Como Fazer Geleia de Amora Caseira: Um Guia Passo a Passo

Receita Fácil e Deliciosa: Tarte Folhada de Pêssegos e Morangos Caseira

Como Fazer o Melhor Gelado de Abacate e Chocolate: Guia Passo a Passo

Instagram:

Google Noticias:

TikTok:

Deixe o Seu Comentário

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Mais

Receitas Relacionadas

Capri ao Luar: Espaguete fino com um toque refrescante de limão

Capri ao Luar: Espaguete fino com um toque refrescante de limão

Descubra a frescura cítrica do nosso Espaguete Capri ao Luar, uma deliciosa fusão de limão e especiarias que promete revigorar seus sentidos! Quando pensamos em receitas que transportam nossos sentidos

Como Congelar Ervas em Azeite para Cozinhar

Como Congelar Ervas em Azeite para Cozinhar

Aprenda Como Congelar Ervas em Azeite para Cozinhar com nosso guia prático! Descubra a melhor maneira de preservar o sabor e os benefícios das ervas frescas para usar em suas

Como Amaciar Carne Naturalmente

Como Amaciar Carne Naturalmente

Descubra como amaciar carne naturalmente usando frutas, ácidos e técnicas mecânicas. Melhore o sabor e a textura dos seus pratos com métodos simples e eficazes. Amaciar a carne é uma

Salada de Morango e Rúcula: Frescor em Folhas e Sabor Equilibrado

Salada de Morango e Rúcula: Frescor em Folhas e Sabor Equilibrado

Descubra a combinação perfeita da Salada de Morango e Rúcula, refrescante e equilibrada, ideal para uma refeição leve e saborosa. A Salada de Morango e Rúcula é uma combinação perfeita

Pasta Primavera com Vegetais Crocantes: Jardim de Sabores num Prato de Excelência

Pasta Primavera com Vegetais Crocantes: Jardim de Sabores num Prato de Excelência

Experimente a Pasta Primavera, um prato vibrante com vegetais crocantes que celebra a essência dos sabores frescos! Pasta Primavera com Vegetais Crocantes é a reinterpretação saudável e colorida do clássico

Risoto de Limão e Manjericão: Aroma Primaveril em Cada Garfada

Risoto de Limão e Manjericão: Aroma Primaveril em Cada Garfada

Descubra a frescura do risoto de limão e manjericão, uma receita primaveril que promete encantar seu paladar! O Risoto de Limão e Manjericão conjuga sabores refrescantes e aromáticos, introduzindo uma

14 Receitas de Natal

Bem vindos ao Sabores de Natal 14 Receitas para Encantar

Descarrega Grátis e Seguro

Descarregue com confiança o nosso E-book ‘Sabores de Natal: 14 Receitas para Encantar’ e mergulhe num mundo de sabores festivos e inspirações culinárias, tudo num clique seguro e fácil!

Receba a Nossa Newsletter

Cadastre-se e Receba as Receitas da Semana

Não gostamos de SPAM e prometo manter o seu e-mail seguro

Siga também a nosso Grupo de TELEGRAM